# Copa do Mundo da Rússia – 2018 – Dia 04 #

Para quem não vê futebol, não segue o que acontece nos quatro anos entre uma Copa do Mundo e outra, hoje deve ter sido um dia muito difícil de entender.

Nem tanto pelo bom jogo entre Sérvia x Costa Rica, depois de um dia em que o futebol foi negligenciado como ontem, quando o resultado falou mais alto – e isso é compreensível, méritos para a Islândia, sempre, até porque eu (graças a Deus) não sou islandês! Mas é bom ver um jogo jogado.

Como foi a primeira partida do dia de hoje, um tanto eclipsada pelas estreias de dois grandes favoritaços: a atual campeã e o time sempre candidato ao título. Pois deu ruim pros dois!

Quer dizer… alguém poderá dizer que um empate contra a Suíça não é de todo ruim (e não deixa de fazer sentido), mas ninguém esperava menos do que uma vitória BOA do Brasil na estreia. Assim como da Alemanha eram esperados três pontos com folga na partida contra o México.

Neymar e Marcelo - Rússia 2018, dia 04: Estranho? Só pra quem não acompanha futebol
Neymar recebe passe de Marcelo durante o jogo contra a Suíça: abaixo do esperado | Lucas Figueiredo/CBF

Pois é, mas não estava combinado com os adversários. E, aí, todo mundo que fez um monte de piadinhas sobre o empate da Argentina contra a Islândia teve que parar para pensar um pouco. Ah, claro, pelo menos o Neymar não errou um pênalti; pelo menos o juiz não roubou a Argentina. E muitos outros “pelo menos” que não estavam no arcabouço de desculpinhas esfarrapadas na euforia pré jogo, quando o HEXA era uma mera questão de formalidade e os sete jogos que separam a expectativa da realidade, um pequeno detalhe.

Sobre a Alemanha, tudo o que eu sei é que o México jogou melhor, só isso. Que continua tendo um goleiraço fazedor de milagres e que vai vender caro qualquer derrota. A Alemanha segue favorita? Segue. Mas caiu a capa de invulnerabilidade. E quem tem isso? Até aqui, ninguém.

O Brasil jogou MAL contra a Suíça. Claro, se você estiver numa vibe bem patrioticopata, pode falar dos erros de arbitragem. Mas não vão apagar a má partida de algumas estrelas, da estrela maior da companhia e sobretudo, mas muito principalmente, as substituições totalmente desprovidas de lógica do Tite. Isso sim, foi preocupante!

Brasil e Alemanha ainda podem ser campeões desta Copa, têm time pra isso. Mas não vai ser tão fácil quanto achavam que seria, até porque, a depender de alguns resultados, Brasil x Alemanha acontece já ali, nas oitavas-de-final.

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Randall Neto
Randall tem 45 anos, é brasileiro sem orgulho nem preconceito, com algum amor, sim senhor. Tem dois filhos, torce pela Argentina e ainda acha que dá pra empatar o jogo contra a Itália de 82. Escreve sobre Copas do Mundo desde 2002.