Sem muita margem para dúvidas em relação a essa expectativa, o Goiás x Atlético deste domingo, às 17 horas, na Serrinha, deve ser o melhor jogo do Campeonato Goiano até o momento.

Será o duelo da defesa mais forte (nenhum gol sofrido) contra o ataque mais goleador (oito gols marcados), ambas as equipes dirigidas por treinadores que priorizam a posse de bola em vez de chutões ou chuveirinhos.

Claro, estamos apenas no quinto jogo do ano, mas a tendência é de que seja uma partida técnica por parte dos dois times, ao contrário do que foi o clássico de domingo, por exemplo, em que apenas o Goiás parecia queria jogar bola – se o Vila Nova também queria, em campo não fez mais do que tentar se defender e dar umas estocadas em contra-ataque de vez em quando.

wagner lopes e barbieri 450x300 - Por que Goiás x Atlético tem tudo para ser o melhor duelo do Goianão
Wagner Lopes e Maurício Barbieri, ao participar do evento Encontro de Gigantes: no clássico, um promete pôr seu time para cima do outro e vice-versa | Murilo Reis/IGodDD

Maurício Barbieri conseguiu em pouco tempo dar um padrão de jogo que o Goiás não conseguiu há muitos anos. Vem correspondendo ao que se esperava por ter sido indicado ao clube por ninguém menos do que Tite. Dentro da Serrinha, com certeza vai pôr força máxima para continuar com o aproveitamento de 100% no ano.

Do lado rubro-negro, o técnico Wagner Lopes já disse que não vai abrir mão da ofensividade. Será um ótimo teste para a defesa esmeraldina, que, apesar de não ter sido ainda vazada este ano, sofre com a desconfiança dos torcedores por seu desempenho pífio na última Série B.

Esse jogo aberto prometido pelos visitantes pode ser bastante favorável para gente habilidosa como Michael, que deverá saber aproveitar muito bem as brechas dos adversários, já que sabe “inventá-las” mesmo quando não existem. Pena não ter Kevin como parceiro, por contusão. Fará falta, como já notamos.

A dica de hoje é largar a TV e seguir para curtir o tobogã da Serrinha e ver ao vivo e em 3D um jogo que tem tudo para ser um bom espetáculo. Importante: confira se ainda há ingresso disponível para não cair na mão de cambistas.

LINCOLNEANAS

 * * * * *  É óbvio que o Goiás não fez uma grande partida contra o Grêmio Anápolis, que tentou apenas não perder do início ao fim. Com meio time reserva, a vitória veio no último lance do jogo, em um pênalti contestável. Mas é bom lembrar: Brasil afora, grandes clubes da Série A estão sofrendo muito mais nas competições locais.

 * * * * *  Michael fica pela quarta vez seguida, em quatro rodadas, com o Bola de Esmeralda, como melhor jogador em campo. É uma premiação do blog Verde 33 e do Estádio das Coisas. Entrou, jogou pouco mais de 15 minutos e definiu a partida, cavando o pênalti que originou o único gol diante do Grêmio Anápolis.

 * * * * *  Há um porém desta vez, no entanto: a discussão acintosa com o árbitro poderia muito bem ter lhe rendido uma expulsão. Michael tem tido uma ascensão espantosa desde a metade da Série B até agora; é hora de começar a se preocupar com a parte mental para se manter em alto nível.

 * * * * *  Quem não vai acompanhar o jogo in loco nem pela TV tem uma chance de “estar” na Serrinha pelo Facebook. A turma do Sintonia Esmeraldina vai fazer a transmissão do jogo pela rede social. Para acessar, clique neste link aqui.

 * * * * *  Pelo pouco que pude ver em vídeos na internet (com a ressalva de que a edição vai obviamente ressaltar apenas os grandes momentos), o lateral Marcelo Hermes pode dar outra movimentação ao lado esquerdo do time, até agora o setor que está devendo. Sua velocidade é acima da média, tem ótima explosão muscular e qualidade nos cruzamentos.

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Elder Dias
Jornalista, servidor federal, ambientalista e esmeraldino por natureza. Buscando sempre aliar paciência de Jó com perseverança de Cafu.