Um vídeo com um ritmo leve e gostoso de ouvir, com uma voz suave. Mas a letra é que “pega”. E pega pesado, porque o assunto é covid-19.

A animação Jeito Bobo de Morrer – Covid-19 faz sarcasmo sobre o descaso da população brasileira que teima em não respeitar o isolamento social.

Num país em que o presidente da República é o principal artífice da desobediência às medidas sanitárias da Organização Mundial da Saúde (OMS), muitos se sentem incentivados a tocar a vida normalmente, em meio à maior pandemia dos últimos cem anos.

A música foi baseada em Dumb Ways To Die, um jingle criado pela agência de publicidade McCann Melbourne em 2012 para a companhia Metro Trains em Melbourne, Austrália, de modo a promover a segurança por meio de animações sombrias e uma música leve.

A peça rapidamente viralizou e chegou a 200 milhões de downloads.

Principalmente em 2013, a campanha também ganhou inúmeras paródias, incluindo uma versão brasileira no Rio de Janeiro, e ainda conquistou diversos prêmios internacionais, entre eles cinco Leões de Ouro no Festival de Cannes.

Com a alta letalidade da covid-19, o hit voltou à moda, pelo menos nesta versão nacional. A paródia tem a intenção de alertar a população sobre os riscos de não respeitar as regras básicas para evitar o contágio e mostra práticas que não devem ser feitas durante a quarentena.

Confira o vídeo:

Gostou? Compartilhe com seus amigos e grupos nas redes sociais! E curta a página do Estádio das Coisas no Facebook!


O portal Estádio das Coisas apoia as medidas
de isolamento social para conter o avanço do novo coronavírus.
#FiqueEmCasa   #SeSairUseMáscara


COMENTÁRIOS




Estádio das Coisas
A arena para todos os debates